Conheça a Planta mais usada pelo Feng Shui na cura de ambientes e para atrair sorte

quinta-feira, fevereiro 23, 2017

Você sabia que a qualidade do ar é a prioridade "número um" do Feng Shui para promover saúde e bem-estar? E que o Feng Shui utiliza as plantas para a "Cura" do ar nos ambientes que habitamos?


"Cura" em Feng Shui se refere a toda a intervenção nos espaços que habitamos que podem equilibrar, ativar ou retardar o fluxo de energia circulante no local. Nesse processo, algumas linhas (escolas) mais populares do Feng Shui no Ocidente, utilizam cores, formas, materiais diversos e objetos para trabalhar a energia e fazê-la circular pelos ambientes melhorando seu equilíbrio, ou neutralizando negatividades, intensificando desse modo, as qualidades do local para proporcionar saúde e bem-estar.

Aqui no "Jardim", já falamos no post: "Plantas que purificam o ar dentro de nossas casas", sobre como as plantas em ambientes internos removem poluentes nocivos do ar como poluição que vem de fora e também a poluição que vem das toxinas ativas presentes em materiais sintéticos, elementos construtivos como tintas vernizes, fibras , móveis, roupas, produtos de limpeza, etc, que podem afetar a nossa saúde e levam a baixa produtividade. Nesse sentido, ao adicionar plantas nos ambientes que habitamos, segundo o Feng Shui - ciência milenar chinesa, de origem filosófia taoista, que tem como objetivo organizar os espaços com o fim de atrair as influências benéficas da Natureza - além de melhorar a qualidade do ar,  utiliza as plantas também para promover a obtenção de energias suaves e vibrantes que podem nos curar visualmente e fisicamente.

"As plantas com seus verdes suaves e seus coloridos naturais, irradiam energias puras, relaxantes e terapêuticas."

Apoiado no ditado: "Saúde é Riqueza" que veio dos antigos mestres desta ciência milenar, o Feng Shui tem inúmeras dicas para ajudar a melhorar a nossa saúde e bem-estar.

A importância da saúde vibrante não pode ser subestimada, porque sem boa saúde poucas coisas realmente importam. E, para o Feng Shui, a saúde dos ambientes é o foco principal, pois há uma relação direta entre a saúde pessoal e a qualidade da energia em nossas casas e locais de trabalho.

Do ponto de vista do Feng Shui, numerosas casas e empresas sofrem com energias baixas e estagnadas. Esta constatação vem sendo confirmada ao longo do tempo, por diversos estudos fundamentados na análise e afirmação que, a maioria das casas e empresas pelo mundo afora, estão abaixo do nível de energia básica necessária para manter a boa saúde das pessoas que vivem ou trabalham neste locais.

Inserir plantas nos ambientes é uma dica básica e simples do Feng Shui para melhorar a saúde nos locais que habitamos, pois trazem sensações de alegria e bem-estar, o que consequentemente melhora também nossa saúde.


Esteja ciente do ar que você respira



A questão da poluição exterior é bem conhecida. Mas, poucas pessoas estão conscientes que a poluição do ar  interior é tão prejudicial, ou mais do que, o ar exterior.

A menos que você viva e/ou trabalhe em um edifício ou local verdadeiramente verde, e ambientalmente amigável, você deve trabalhar constantemente pelo aumento da qualidade do ar nos espaços que habita.

A maneira mais fácil de cuidar da qualidade do ar dos seus ambientes e ao mesmo tempo melhorar a sua energia pessoal é com a incorporação de plantas purificadoras do ar. Saiba + AQUI

Se você é adepta ou confia na prática do Feng Shui, saiba que, uma das plantas mais queridas que possuem a qualidade de purificar o ar interior dos ambientes, além de promoverem "curas" muito apreciadas pelo Feng Shui, que você poderá encontrar, cuidar facilmente, e ainda atrair energias positivas para sua vida é o Lucky Bamboo conhecido também como Bambu da Sorte. 

  • Lucky Bamboo 



Conhecido como "Bambu da Sorte" devido a atributos simbólicos que associam a planta a prosperidade e a ativação de boas energias, o Lucky Bamboo é uma planta abundante da Ásia que possui um rápido crescimento. Mas, curiosamente a planta conhecida como Lucky Bamboo não é bambu, é uma Dracaena (espécie de dracena) que cresce nas matas tropicais do sudeste asiático e também na África.
Seu nome: Lucky Bamboo é decorrente da sua facilidade de crescimento e pela associação relacionada a prática oriental do Feng Shui que, agrega elementos naturais como a água, a terra, a madeira, o fogo e o metal para energizar e harmonizar os ambientes.

Apesar de não ser tecnicamente um bambu, a planta apenas é considerada como um pela grande semelhança, o que faz do  Lucky Bamboo um representante muito apreciado de uma das "curas" mais reconhecíveis e popular praticada pelo Feng Shui.
No Brasil é comum encontrarmos versões do Lucky Bamboo torcido através de técnicas desenvolvidas pelos cultivadores que giram o caule da planta criando formatos exóticos, que embora atraentes, não são ideais para o Feng Shui, pois representam o oposto do crescimento vertical ascendente e positivo, considerado pela prática milenar como mais auspicioso.

Como cuidar do seu Bamboo da Sorte


  • Escolha um vaso que seja no mínimo, 2 centímetros mais largo do que a planta.
  • Decore o fundo do vaso com pedras polidas (seixos de rio) que, além de deixá-lo atraente, estas pedras vão ajudar a manter seu Bamboo em linha reta.
  • O Bamboo da sorte ama água muito limpa, por isso, se possível, utilize água filtrada ou destilada no seu vaso.
  • Se for usar água diretamente da torneira, deixe-a descansar por 12 horas no vaso (para decantar o cloro) antes de colocar seu Bamboo.
  • Troque a água pelo menos a cada quinze dias.
  • Corte as folhas que ficarem amarelas.
  • Evite colocar seu Bamboo da sorte sob luz solar direta muito forte.
  • Evite colocar seu Bamboo da sorte em locais bagunçados, sujos ou perto de qualquer coisa negativa para a planta.
  • Ame seu Bamboo e ele devolverá amor para você.

Gosto muito de usar aplicações de Bamboo da sorte em meus ambientes e da sua sua relação com o Feng Shui. São plantas fáceis de encontrar e de cuidar, prosperam em diversas condições de luz, água ou solo. Seu formato é clean, minimalista e neutro o que possibilita arranjos com design moderno.

Segundo o Feng Shui, se você está procurando abundância e prosperidade, coloque 3 ou 9 hastes do Bamboo da sorte na área de riqueza em sua casa ou local de trabalho. Para localizar esta área, posicione-se em pé na porta do ambiente (sala, quarto, escritório), o canto esquerdo mais distante da porta representa  riqueza, prosperidade e abundância. Coloque lá seu Bamboo que com seu crescimento vertical, positivo e estável proporcionará energias auspiciosas que poderão favorecer a obtenção destes desejos. Mas não esqueça, de cuidar bem do seu ambiente, da sua planta e principalmente de você.

Boa Sorte!
Seja Feliz!

Veja também:

Feng Shui sob meu olhar

Bambu - uma planta carregada de cultura e simbologias

Plantas que purificam o ar dentro das nossas casas

Tudo é energia, pensamento, sentimento, movimento. Quando a energia flui, corpo, mente e espírito se alinham. Encontrando o equilíbrio, você se encontra. Você se sente bem. E o mundo fica mais bonito quando você está bem.


Imagens: Seleções google

Lembrou de alguém que gostaria do post? Espalhe essa ideia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)