Cinco Tendências para Jardins de todos Nós

quinta-feira, novembro 24, 2016

A interação com a Natureza tem o poder de aliviar o estresse da vida urbana, proporcionando beleza, saúde e bem-estar em nossas vidas, é o que afirmam diversas pesquisas e estudos científicos realizados nas últimas décadas.

Além de comprovar os inúmeros benefícios que o contato com a Natureza proporciona para nossas vidas, estes estudos tem elevado a importância de se ter um espaço "verde" independentemente do tipo e do tamanho, pois um jardim, seja do jeito que for, tem sido cada vez mais percebido como um porto seguro, um lugar de lazer e convívio no qual os cinco sentidos são estimulados gerando bem-estar físico e mental.

  • Jardins sensoriais para despertar nossos sentidos adormecidos; 
  • Espaços ao ar livre para curtir a Natureza sob o céu, como tem que ser; 
  • Mix nos jardins para se ter um jardim na medida das nossas necessidades e possibilidades; 
  • Plantas em miniatura para caber em qualquer tamanho de jardim; 
  • Valorização da reconexão com a Natureza nos levando de "volta para a terra", são as cinco principais tendências que se firmam cada vez mais no presente para criamos os jardins de todos nós.

E assim será ainda mais no futuro!


Faz sentido pra você? Se pra você o jardim tem futuro, conheça as principais tendências que vieram para nos ajudar a resgatar o elo com a Natureza e sermos mais felizes!

Cinco tendências para criar os Jardins de Todos Nós



  • 1 -Jardins sensoriais


As inúmeras possibilidade que um jardim oferece para percebe-lo através dos sentidos, coloca o homem no centro do seu espaço, imerso em diversas percepções que só o mundo natural pode proporcionar.


Aguçar os cinco sentidos: visão, olfato, tato, audição e paladar, é a principal função de um jardim sensorial. Através da criação de um jardim sensorial, despertamos os sentidos que a Natureza provoca em nós e com elas sensações prazerosas que remetem ao bem-estar que gera consequentemente qualidade de vida.



Um jardim sensorial pode ser feito em qualquer local de qualquer tamanho. Pode ser feito dentro de casa, num quintal, pátio, ou até mesmo numa varanda de apartamento. Os elementos para formar este tipo de jardim, são todos os que despertam os cinco sentidos, devendo-se utilizar para aguçar a visão, olfato e paladar, plantas com formas, cores, texturas e aromas diferentes, plantas floríferas, frutíferas e herbais, detalhes com pedriscos, areia, etc., e para aguçar a audição, uma fonte de água que emita um som relaxante, e sinos de vento são elementos certeiros.




  • 2 - Espaços ao ar livre


No contexto complicado e caótico do mundo moderno, onde nos sentimos cercados das mais diversas ameaças, o ambiente doméstico é cada vez mais valorizado, pois passa a ser o nosso refúgio de paz e silêncio. Neste oásis cercado pela familiaridade reconfortante da rotina diária, a simplicidade tão fundamental ao nosso bem-estar, pode ser encontrada em parcelas da Natureza utilizadas tanto nas composições de áreas de jardins, quanto nos espaços com vasos de plantas naturais. E para criar o seu refúgio natural sob o céu, vale utilizar elementos que proporcionem a utilização prazerosa deste espaço com conforto e todo o charme da Natureza.






  • 3 -Mix nos Jardins 


A busca pelo bem-estar promovido pelo contato com a Natureza em refúgios domésticos, confirma cada vez mais o sucesso de espécies vegetais, porque elas nos fazem reviver gestos esquecidos como a noção das estações, a apreciação do sabor das coisas, o tempo para acompanhar seu crescimento e o deleite das boas surpresas que as plantas reservam em suas flores, frutos, formas e transformações.

Seja flor, erva ou fruto, seja grande ou pequeno, seja em vasos, paredes, telhados ou solos vale tudo para ter a Natureza proporcionando beleza, vida e bem estar nos nossos refúgios particulares.









  • 4 - Plantas em miniatura


Variedades vegetais em miniatura estão em alta, assim como árvores frutíferas anãs que ocupam pouco espaço. Muitas vezes o tamanho natural de uma determinada espécie vegetal assusta, mas atualmente existem inúmeras variedades de plantas de natureza adaptável e generosa que podem crescer, florescer e frutificar em espaços restritos.





  • 5 - De volta para a terra


Mesmo conectados ao mundo moderno que se move e se transforma na velocidade da internet, apreciar a Natureza, com suas formas, cores, movimentos, perfumes e sabores, produz em nós um alento repleto de prazer e bem-estar.


Para alguns a experiência se restringe ao meramente contemplativo. Para outros, um lazer ou terapia, que promove uma abordagem tátil na apreensão do mundo vegetal, resultando no despertar dos sentidos mais puros e primitivos que nos proporcionam paz e esperança, pois como seres da Terra que somos, a Natureza faz parte do nosso DNA.


Com uma maneira mais subjetiva de percepção, que desperta o sentir, ver e apreciar, um jardim não é apenas um local de contemplação, mas é principalmente, um lugar de vida em que o foco principal está na simplicidade da Natureza, que promove beleza e bem-estar produzindo qualidade de vida.

"Plantar um jardim é acreditar no futuro, enquanto usufruímos todo o luxo de conviver com a Natureza".


Veja também:





Abraços,
Sejamos Felizes Jardineiros!

Imagens: minhas seleções Pinterest: AQUI


Lembrou de alguém que gostaria do post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)