A Ecologia é a estrela da festa de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016

segunda-feira, agosto 08, 2016

"Se você olhar bem, verá que o mundo todo é um jardim."


O que assistimos na belíssima cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, através do talento brasileiro é que o mundo, assim como na frase que faz parte do livro "O Jardim Secreto" de Frances Hodgson Burnett, é um grande jardim que precisa ser cuidado.


A gênese do mundo inteiramente inspirada na concepção de jardim é a mais significativa descrição dentre as diversas simbologias atribuídas à criação da paisagem pelo homem. Não um jardim comum, mas um fecundo jardim que possibilite a vida na Terra.

Na Terra, a  Natureza espontaneamente sempre favoreceu a criação de muitos jardins que foram surgindo e desaparecendo ao longo da história da humanidade, que vem assistindo há muitas décadas a extinção dos recursos naturais fundamentais para sua própria sobrevivência.

O dramático contexto atual, cujos danos ao meio ambiente estão agravando cada vez mais a vida na Terra, inspirou o ponto alto da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016 na última sexta feira sensibilizando a todos com forte apelo ecológico.


Superando todas as expectativas não só dos brasileiros, mas de grande parte do mundo, a abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, deu muito o que "bem" falar sobre a capacidade criativa do brasileiro para fazer uma grande festa.

As importantes temáticas abordadas na celebração de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio 2016 como a história do surgimento do Brasil, a miscigenação, a cultura, as artes e todo talento do povo brasileiro constituíram o espetáculo, no qual o grande destaque ficou por conta do forte apelo ecológico que chamou a atenção para as terríveis decorrências do crescente aquecimento global no mundo todo.

Foto: Jornal de Florirpa
Embora politicamente correto, o apelo ecológico que abrilhantou a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, se choca com a dura realidade da poluição na Baía de Guanabara, onde alguns jogos serão disputados e também com a própria conduta do povo brasileiro no que se refere a ações de preservação do meio ambiente que muito deixam a desejar.

Com relação a isso, só podemos esperar que esse apelo que tanto abrilhantou a festa e muito nos orgulhou, não caia no esquecimento depois que os jogos se acabem. Mas se transformem em fecundas sementes de conscientização plantadas em todos nós, para que de fato possamos mudar o destino do nosso mundo real, porque o fictício como assistimos nesta abertura, pode ser criado e recriado de diversos modos pela indústria do entretenimento através de seus profissionais e artistas.

Veja as imagens mais ecológicas que selecionei para lembrar desta grande festa compartilhando aqui no blog mais uma inspiração sobre como cuidar deste jardim tão especial que é a nossa casa no mundo: "Brasil, esse lindo pais tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza."


Icone da ecologia que aparece na abertura das olímpiadas criado por Ziraldo - Foto AQUI
Foto: Agência Reuters
Foto: Ricardo Stuckert/CBF e Beth Santos/PCRJ  AQUI
Foto: Ricardo Stuckert/CBF e Beth Santos/PCRJ  AQUI
Foto: Fernando Frazão - Agência Brasil
Foto: Beto Barata - PR
Foto: Agência Reuters
Foto: Agência Reuters

"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim." Francisco do Espirito Santo


Abraços,
Sejamos Felizes!


Veja também:  Como cuidar da Terra -> AQUI

Lembrou de alguém que gostaria desse post? Espalhe essa ideia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)