Angélica perfumada - Polianthes tuberosa

quinta-feira, junho 23, 2016

Bonita, delicada e muito perfumada, característica que lhe é mais marcante,  a Angélica é uma flor muito apreciada tanto no jardim como em cerimônias e festas que celebram uniões amorosas.

Nos jardins ela faz graça, nas decorações, além da beleza delicada, ela desperta os sentidos com seu perfume intenso e sofisticado que fez da Polianthes tuberosa uma das "jóias" mais cobiçadas no universo da perfumaria mundial.

 

Originária do México, a Polianthes tuberosa, pertence à família Agavaceae, sendo popularmente conhecida como: Angélica-de-bastão, Angélica-dos-jardins, Jacinto-da-Índia, Tuberosa, Nardo, haste-dourada, ou vara-de-São José. Como gosta de temperaturas amenas, a angélica (Polianthes tuberosa), tem uma certa resistência as baixas temperaturas, de modo que, podemos contar com o ar da sua graça, para enfeitar e perfumar o outono e um "cadinho" do inverno com sua forma elegante e beleza delicada.


Planta bulbosa de flores brancas e perfumadas, a Angélica possui folhas longas e estreitas de cor verde brilhante. Apreciando temperaturas amenas, a ocorrência do seu florescimento se dá no inicio do outono se estendendo até o início do inverno. Com inflorescências tipo espiga em hastes eretas e altas, as flores da angélica, se sobressaem com inúmeros botões sobre a folhagem. As flores são cerosas, pequenas de cor branca ou levemente rosada e liberam um intenso e delicioso perfume principalmente no período da noite. Suas flores delicadas, brancas e perfumadas simbolizam a pureza, predicado que coloca a flor entre as mais preferidas para buques de noivas, arranjos e decorações de cerimônias e festas de casamentos.

Na Índia ela é muito utilizada em rituais relacionados a cura e também em casamentos nos tradicionais colares de flores que são trocados pelos noivos. No Hawai os colares (leis) e coroas (hakus) com flores de angélicas também são muito utilizados em casamentos, tanto para enfeitar os noivos, quanto para a decoração da cerimônia e da festa.


No Jardim

No jardim a flor é ideal para compor pequenos maciços formando vistosos detalhes através de plantios intercalados com outras plantas. É muito indicada para áreas de convívio como varandas e pequenos pátios, podendo ser plantada em vasos e floreiras próximas à portas e janelas, locais onde seu perfume envolvente, dispersado no ar dará as boas vindas.


Cultivo

  • Escolha uma área que tenha boa incidência de sol.
  • O solo deve ter boa drenagem e ser preparado com adubo orgânico acrescido de NPK 4-14-8.
  • Abra covas com 7 centímetros de profundidade.
  • Deposite o bulbo na cova com a ponta mais fina voltada para cima, cobrindo-o com a terra devidamente adubada.
  • Dê um espaçamento de 10 centímetros entre cada bulbo. Regue diariamente ou a cada dois dias mantendo o solo úmido com o cuidado de não encharcá-lo.
  • O ciclo entre plantio e floração leva em torno de seis meses.
  • Cada bulbo solta uma haste com flor.

Como Flor de corte


  • A flor é muito apreciada como flor de corte, principalmente para buques de noivas e decorações de cerimônias e festas de casamento.
  • Em arranjos florais, costuma ser utilizada como complemento entre outras flores, devido seu forte perfume.
  • Em vasos, os cuidados básicos para uma boa durabilidade das flores é retirar todas as folhas das hastes que ficarão submersas na água que deve ser trocada diariamente ou no máximo a cada dois dias.
  • Como o perfume é muito intenso, não é recomendável colocar a flor em ambientes fechados ou pouco arejados.

Perfume

A flor é uma mistura de frescor floral e opulência aveludada com perfume tão forte que basta apenas uma haste da flor para perfumar um ambiente durante semanas. De suas raízes também é extarído um óleo usado para fazer incensos e medicamentos. Na aromaterapia, seu óleo essencial é indicado para favorecer o desenvolvimento da intuição.



O perfume da Polianthes tuberosa é considerado como "ouro" na perfumaria. Segundo os mais renomados perfumistas do mundo, nenhuma nota na perfumaria é mais surpreendente e carnal, cremosa ou contraditória do que a tuberosa.


Se você gosta de perfumes já deve ter visto e sentido perfumes com a "jóia tuberosa" da perfumaria. Os perfumes com tuberosa mais conhecidos e apreciados são:

  • Fracas - Robert Piguet (referência máxima quanto ao uso da tuberosa em perfumes)
  • Jardins de Bagatelle - Guierlain
  • Choe - Karl Lager Feld
  • Amarige - Givenchy
  • Beauty - Calvin Klein
  • Tubereuse Criminelle - Serge Lutens
  • J'adore - Dior
  • Tubereuse Indiana - Creed
  • Blonde - Versage
  • Today - Avon
  • Tuberosa do Egito - Phebo



"O Amor é a única flor que desabrocha sem a ajuda das estações." Khalil Gilbran

Abraços,
Sejamos Felizes!

Imagens: minhas seleções pinterest


Lembrou de alguém que gostaria desse post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)