Cerejeiras na Primavera Japonesa

quinta-feira, março 24, 2016

Diferentes do Brasil, alguns países no mundo tem as 4 estações do ano bem definidas, como é o caso do Japão que tem suas paisagens deslumbrantes na Primavera. Estação mais esperada do ano, a Primavera proporciona no Japão (março, abril, maio) uma experiência indescritível, quase mágica, fazendo com que muitas pessoas prefiram conhecer o país nesta época.

O magnetismo que a Primavera exerce, se deve a contribuição de alguns fatores como o clima que é bastante ameno e agradável, os dias são azuis e ensolarados, despertando depois do frio rigoroso do Inverno, a exuberante vida natural numa explosão de cores, formas e aromas delicados das flores que colorem esta estação.

Nesta época muitas flores podem ser apreciadas como as Glicínias (conhecidas no Japão como "Fugis"), os incontáveis tapetes de plantações de Tulipas, as belíssimas flores de ameixa, o Salgueiro Neve, as flores de pêssegos entre outras, mas a Rainha desta festa tão esperada é a Cerejeira. 

As Cerejeiras transformam as paisagens e deixam a população em festa, realizando nesta época, inúmeros festivais que promovem singulares experiências contemplativas da natureza, repletas de belezas e significados simbólicos relacionados à vida. Uma delas é o Hanami - ato de contemplação das cerejeiras em flor - principal atividade dos festivais, que consiste num tradicional piquenique sob as árvores repletas de flores das Cerejeiras.

Para celebrar a chegada da estação do ano mais esperada no Japão, a National Geographic convidou membros da comunidade para enviar suas melhores fotografias das Cerejeiras que transformam as paisagens nos mostrando o quanto a Natureza nos brinda com inúmeras dádivas.

Veja só que imagens incríveis... Não é a toa que este espetáculo é tão esperado


Crédito da Imagem: Aurora Simionescu
Crédito da Imagem: Ryan WH
Crédito da Imagem: Masayuki Yamashita
Crédito da Imagem: Masayuki Yamashita
Crédito da Imagem: Danilo Dungo
Crédito da Imagem: Janvika Shah
Crédito da Imagem: Danilo Dungo
Crédito da Imagem: Totomai Martinez
Crédito da Imagem: Joe Ishikawa
Crédito da Imagem: Yoshiki Fujiwara
Crédito da Imagem: Joydeep Dasgupta
A cerejeira fica pouco pouco tempo florida, por isso suas flores representam a fragilidade da vida, cuja maior lição é aproveitar intensamente cada momento, pois o tempo passa rápido e a vida é curta.

Abraços!
Sejamos Felizes!

Fonte: boredpanda

Lembrou de alguém que gostaria do post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)