Aromas do Bem para cuidar da casa e do jardim

quarta-feira, agosto 12, 2015


Vocês já devem ter ouvido falar sobre aromas da Natureza que fazem bem para a saúde, presentes em plantas flores e madeiras, dos quais a Aromaterapia tira partido para trazer benefícios para o corpo, mente e espírito. Como terapia alternativa, a Aromaterapia consiste na busca do bem-estar através do olfato que é estimulado pelos aromas presentes nos óleos essenciais produzidos a partir de vários elementos naturais.

A palavra Aromaterapia, etimologicamente é composta pela palavra aroma, significando fragrância, e pela palavra terapia, que quer dizer tratamento. A Aromaterapia é o ramo da Fitoterapia que, através da aplicação de óleos essenciais extraídos das plantas, busca contribuir para a saúde e bem-estar das pessoas. Fundamenta-se no princípio de que diferentes aromas, disparados pelo olfato, atingem o sistema nervoso do cérebro que aciona respostas específicas para diversos fins.

Todos nós já experimentamos sensações estimuladas por aromas capazes de evocar sentimentos como saudades, desejo, náuseas, água na boca, etc. e, que geralmente, acontecem através de um aroma que provoca um efeito imediato.

Aromaterapia e Fitoterapia

Enquanto a Fitoterapia é a utilização de plantas medicinais e seus produtos, a Aromaterapia é a utilização terapêutica de plantas aromáticas e seus produtos.

As plantas aromáticas são assim denominadas, pela característica de conterem cheiros cuja utilização terapêutica, vem de uma prática milenar que surgiu junto com a Fitoterapia, quando nos primórdios, se utilizava as plantas aromáticas de diversas formas que, com o passar do tempo, foram se aprimorando através de técnicas de extração que  deram origem aos óleos essenciais, que são formas altamente concentradas de energia das plantas, pois constituem a sua alma e a sua força vital.


Dentre os muitos usos dos óleos essenciais, estão as aplicações tópicas de extratos e tinturas e via oral da mesma forma como são usados muitos produtos fitoterápicos. A diferenciação da Aromaterapia da Fitoterapia tradicional está na ação do olfato que agrega efeitos terapêuticos específicos do sistema olfativo que em seu mecanismo cria conexões imediatas entre o ar exterior e o cérebro.

Os óleos essenciais são substâncias orgânicas, puras, voláteis e extremamente potentes; tem ação benéfica sobre a mente, a alma e o corpo humano, pois aguçam o desenvolvimento da capacidade olfativa (para os aromas naturais) comumente atingida pela vasta gama de cheiros sintéticos presentes nos ambientes modernos.

As essências dos óleos essenciais podem ser usadas de diversas formas e seu funcionamento ocorre quando o aroma entra pelo nariz, levando o princípio ativo da planta até o sistema límbico, onde fica o hipotálamo, que é a região do cérebro que controla a produção de hormônios. Quando aplicada sobre a pele através de massagens, banhos, etc., a substância é absorvida pela derme e hipoderme, penetrando desse modo, na circulação do sangue, que leva a essência para o corpo todo.

Os perfumes são uma ponte que leva ao mundo etéreo. Os antigos estavam convencidos de que os deuses se alimentavam apenas dos perfumes e, por isso, lhes ofereciam incenso e essências aromáticas, o óleo etérico de cada planta é a expressão da alma, seu ser interior. É a manifestação arquetípica da planta em questão, arquétipos que pertencem a uma outra dimensão de existência. E já que os óleos essenciais integram essa dimensão verdadeira da alma da planta, e existem ligações íntimas entre os arquétipos das plantas e os vários tipos de seres humanos, a aromaterapia em sua forma mais elevada é capaz de atingir diretamente o nível psicológico do paciente.

Marco Bischoh

Como auxiliar de tratamentos alopáticos ou homeopáticos, a Aromaterapia, visa proporcionar um bem-estar completo através do uso de óleos essenciais que beneficiem tanto o físico como o emocional. O tratamento com esses óleos pode ser feito através de massagens, banhos de imersão, banhos de acento, banhos de chuveiros, compressas, inalações, aromatização ambiental e escalda pés.

Compatível com a medicina convencional e com a maioria dos tratamentos holísticos, a Aromaterapia é uma das mais agradáveis terapias complementares além de ser segura e fácil de fazer por conta própria, mas contudo é sempre bom consultar seu médico, principalmente se estiver utilizando medicamentos, ou um aromaterapeuta, pois alguns óleos essenciais podem apresentar incompatibilidade com alguns tipos de tratamentos homeopáticos.

Veja como os principais óleos essenciais são classificados:

  • Óleos Revigorantes: são utilizados nos casos de cansaço físico, mental, fadiga e desânimo:Alecrim - Canela - Citronela - Eucalipto - Hortelã pimenta - Lavandin.
  • Óleos Relaxantes: São utilizados como auxiliares nos casos de depressão, ansiedade e insônia:Bergamota - Capim-limão - Cedro - Gerânio - Laranja doce - Patchouli - Manjericão.
  • Óleos Calmantes:  são auxiliares nos casos de irritabilidade, nervosismo e stress:Cipreste - Sálvia - Lavanda francesa - Vetiver - Ylang-Ylang - Palmarosa.
  • Óleos Estimulantes: são auxiliares da concentração, memória e criatividade:Junípero - Petitgrain - Limão - Alecrim.
  • Óleos Desintoxicantes: são utilizados para limpeza e desintoxicação do organismo:Funcho - Mandarina - Junipero.
  • Óleos terapêuticos para vias respiratórias: auxiliam na prevenção de resfriados, gripes e sinusites:Tea Tree - Gengibre - Eucalipto - Citronela - Alecrim.


Campos de Atuação:

  • Plano Físico: Fortalecimento das defesas naturais do corpo físico, proporcionam estímulos para o equilíbrio das funções do corpo, restabelecendo as energias, provocando um bom funcionamento em todos os sistemas orgânicos.
  • Plano Psicológico: Neste plano a atuação é mais sutil, atua na mente, nas emoções, chegando nas camadas mais profundas do inconsciente. Também compreende o sistema nervoso autônomo, onde esta a maior parte das nossas atividades inconscientes, responsáveis pela manutenção da vida como, por exemplo, a digestão, o ritmo cardíaco, a respiração, o controle da temperatura e também a fome, sede, memória e o olfato.
  • Plano Vibracional:Os Óleos essenciais carregam em suas moléculas as vibrações energéticas de sua origem. As plantas da natureza possuem um campo energético que nos beneficiam. assim sendo, podemos dizer que o óleo essencial no tratamento de aromaterapia cuida do ser humano como um todo, no seu plano físico, emocional e energético.


Aromas do Bem para Cuidar da Casa e do Jardim


As experiências mais fortes e profundas costumam vir acompanhadas de sensações olfativas. Todas as tradições, mesmo as mais puritanas, já experimentaram o poder das fragrâncias; toda religião conhece seu uso cerimonial (geralmente ligado a sons e cores) com o intuito de provocar a elevação espiritual dos fiéis... Uma fragrância é capaz de suscitar as sensações mais profundas e, ao mesmo tempo mais fugidias. Como a felicidade, o amor ou o riso, os cheiros nos pegam quase de surpresa e se esvaem assim que tentamos nos apoderar deles. Quer estejamos andando na rua, cuidando do jardim, passeando na mata ou tomando um cafezinho, de repente somos tomados por uma emanação misteriosa que invade nossas narinas e abre as portas de uma magia.

Marcel Lavabre

Todo o cuidado que temos conosco e com os ambientes nos quais vivemos faz bem. Quando o cuidado é cercado por elementos da Natureza, melhor impossível. E com relação aos óleos essenciais, ao cuidarmos da casa e o jardim com eles, os benefícios se refletirão no nosso próprio bem-estar.

Tanto no jardim exterior como no interior formado por plantas cultivadas em vasos, alguns óleos essenciais podem ser utilizados nos cuidados com as plantas. O óleo essencial de Citronela afasta os pulgões e o óleo essencial Vetiver fortalece as plantas.

Dentro de casa, além de perfumar vários ambientes os óleos essenciais também contribuem para equilibrar as energias, purificar e higienizar o ar que respiramos. Uma forma bem simpática para usos com estas finalidades é usar peças de cerâmica ou porcelana que além de serem decorativas, possuem um recipiente para receber água e gotas dos óleos essenciais que quando aquecidos com uma vela ou com algum aparato elétrico fazem com que o óleo que é uma substância altamente volátil evapore e espalhe seu perfume pelo ar.

Escolha um difusor que seja mais adequado ao seu gosto, selecione o óleo essencial que melhor atenda as suas necessidades ou objetivos e sinta a diferença da energia ao seu redor.


Você pode também utilizar um pedaço de algodão com mas 8 gotas de óleo essencial puro para colocar na bolsa, armários e até no carro, para higienizar e perfumar. Já está comprovada a ação benéfica dos óleos essenciais na diminuição da poluição e no aumento da qualidade do ar que respiramos, e convenhamos, nada como um ambiente perfumado delicadamente com cheiros da Natureza para proporcionar bem-estar aos nossos sentidos.

Veja também: "Casa Perfumada com Pot-pourri" AQUI.

Para saber mais sobre Aromaterapia conheça as seguintes obras que são referências no assunto:

A Arte da Aromaterapia - Robert Tisserand - Editora C.W.
Aromaterapia - Kendra Grace - Editora Mandarim
Aromaterapia - A Cura pelos Óleos Essenciais - Marcel Lavabre - Editora Record Nova Era.

Abraços,
Sejamos Felizes!

Lembrou de alguém que gostaria desse post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!


Fontes: aromaterapia.org; Imagens: seleções google

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)