Amor pela Natureza Quebrando Regras

terça-feira, março 24, 2015


Mais uma idéia de conexão com a Natureza para compartilhar com você...


O Amor pela Natureza inspirou o escritório de Arquitetura Yoko Nagayama & Associates em colaboração com o Paisagista Toshita Ogino, na criação de um novo conceito para uma loja de vestuário da empresa Leather Wear por trás da griffi Sisii, que quebra todas as regras convencionais de design para este tipo de espaço.


Na loja Sissii, aberta em Kobe no Japão, a Natureza é a principal protagonista do espaço que mais parece um Jardim, onde as roupas da griffi são expostas em meio as plantas, penduradas em suportes metálicos estratégicamente dispostos nas ilhas verdes que compõem o cenário.


Nessa loja, pode-se admirar bolsas, jaquetas e diversos outros itens da coleção da griffi Sissii, durante uma caminhada num percurso envolvido por jardins, sem deixar de contar com a assessoria de consultores que lá estão para oferecer apoio e atendimento sob medida para cada cliente.


A grande sacada do projeto, além, da surpresa de um ambiente que quebra as regras para este tipo de showroom, está em fazer com que o cliente desacelere ao entrar na loja através da aproximação com a Natureza num local onde ele pode relaxar, pois o ambiente incentiva isso, e de quebra, fazer suas compras com mais calma e prazer.


A Natureza combina com tudo, você não acha?


Abraços,
Sejamos Felizes!


Lembrou de alguém que gostaria desse post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!


Fontes: freshome; contemporist; Yoko Nagayama & Associetes

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)