1º Aniversário do Blog!

quinta-feira, fevereiro 13, 2014




  Chegou o Dia! 1º Aniversário do Blog! 

Estou em Festa!  


O aniversário é mais que uma ocasião para receber felicitações, é uma chance de festejar o final de um ciclo e o início de outro novo, agradecer e refletir -  no caso do blog - o que estou realizando por aqui.

Há um ano atras, timidamente publiquei meu primeiro post: Jardim do Ser , uma espécie de saudação, que finalizei desejando que nosso encontro com a Natureza fosse sempre feliz. Minha intenção desde o início, foi  escrever paisagens bonitas de se ler, proporcionando neste espaço de Jardim, encontros que pudessem passar bem-estar através do compartilhamento de idéias e inspirações.

O encontro é sinônimo de transformação pelo novo, no sentido de que encontro também é descoberta. E assim, também me descobri ao encontrar satisfação em perceber minhas paisagens lidas por milhares de amigos anônimos que por aqui passaram silenciosamente.

Muito Obrigada à todos que ao visitarem o Jardim, contribuíram para sua existência. É para vocês que continuarei escrevendo e também esperando por comentários e opiniões para que eu possa aprimorar as paisagens deste Jardim que foi feito para sua inspiração.



     Abraços,

      Sejamos Felizes!

Leia também!

1 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)