Curas sutis que vêm das flores

terça-feira, setembro 10, 2013


A Vida não nos exige sacrifícios intangíveis; ela nos pede que façamos nosso caminho com alegria no coração e que sejamos uma benção para os que nos rodeiam, de forma que, se deixarmos o mundo um pouquinho melhor do que era antes da nossa visita, teremos cumprido a nossa missão".

Dr. Bach


Acreditando que determinadas flores têm propriedades vibracionais, ou seja, energéticas semelhantes à alma humana em equilíbrio, o médico inglês Edward Bach legou para o mundo, nos anos "30", trinta e oito essências florais inglesas, indicadas para rearmonizar as emoções humanas, e, consequentemente, promover a saúde das pessoas. Seguindo seus passos, pesquisadores florais de diferentes regiões do mundo continuam extraindo de novas flores as vibrações necessárias para inúmeros males.


As flores veiculam a mensagem das forças vitais da Natureza. Consideradas, pelos adeptos da terapia floral, elementos de transformação e equilíbrio entre as forças vitais da Natureza e do Cosmo, as essências florais são utilizadas como instrumentos de harmonização, funcionando como auxiliares eficazes na cura de diversos males, sutis, essas essências transferem suas vibrações suaves, harmonizadoras, para quem se utiliza delas, levando às pessoas uma agradável sensação de conforto e bem-estar.

As essências florais sintetizam os fundamentos de uma nova medicina criada pelo Dr. Bach e tornaram-se extremamente benéficas e eficazes na promoção da saúde, já que as doenças originam, em grande parte, nas emoções mais profundas, que estão em desequilíbrio e mal resolvidas dentro de nós.
Estresse, cansaço, ansiedade, medo, pânico, solidão, insegurança, ciúme, problemas de relacionamento em casa ou no trabalho, além de angústia, depressão, desespero e crises em diferentes fases da vida (adolescência, idade adulta, menopausa e andropausa, terceira idade), problemas na infância, pesadelos, insônia, tabagismo, alcoolismo, drogas, dificuldades na escola e uma série de conflitos internos ou externos vêm-se tornando responsáveis por distúrbios físicos e mentais que afetam cada vez mais gente. Para preencher a lacuna instalada no coração, na mente e na alma das pessoas, os florais aparecem como espécies de "remédios" contra as inquietações e desarmonias internas, que comprometem a saúde e o bem estar.

Facilitadoras da promoção da saúde, as essências florais são um convite da Natureza ao equilíbrio emocional, mental, físico e espiritual, que através da Terapia Floral, possibilitam uma maior harmonia interior e equilíbrio de nossas forças emocionais. Saiba Mais Aqui. Saiba Mais Aqui

A cura oferecida pelas essências florais é acima de tudo, a de nos ajudar a lembrar quem verdadeiramente somos e da força interior que temos para superar, aceitar, suportar ou transcender os sofrimentos e desafios pessoais e da vida, de forma simples, natural, real, reconectando-nos com a Natureza para que nos transformemos na melhor versão possível de nós mesmos, e possamos, no nosso ritmo pessoal, ir corrigindo defeitos e deslizes de carater e desenvolvendo virtudes, valores éticos, dons e potenciais inerentes à nossa Natureza, Divinamente Humana. (Thais Accioly - Flower Essence Society/CA-EUA/ Brasil)
Tinha que ser Natural... Tinha que ser Sutil... Tinha que ser Flor...
Abraços com Tudo de Flor para você!

Imagens: web/google.

Lembrou de alguém que gostaria do post? Espalhe essa idéia! Compartilhe!

Leia também!

0 comentários

Todo comentário construtivo é bem vindo.
No entanto, comentários ofensivos, preconceituosos, mal educados ou incompreensíveis, serão apagados.
Comentários que sejam spam ou propaganda, que não tenham a ver com o conteúdo do post ou do blog, também serão apagados.
Se quiser contratar um serviço, utilize a página de Contato.

Obrigada pela visita!

Google Plus

Like us on Facebook

Quote do dia

"Eu agradeço pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou... Pela capacidade de me olhar mais devagar... já que muita gente já me olhou depressa demais. Olhe devagar cada coisa. Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu. Entre cascalhos disformes, estranhos diamantes sobrevivem solitários. É bom ter amigos. Eles são pontes que nos fazem chegar aos lugares mais distantes de nós mesmos. A beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins."
(Pe. Fabio de Melo)